terça-feira, 18 de setembro de 2012

É de menino que se torce o pepino!

Depois que você vira mãe, nada parece mais verdadeiro que essa expressão aí né?
Pois bem, existem coisas, aliás, a maioria delas que você ensina quando a criança é pequena, conceitos, todas as questões morais e etc...

Vejo em várias casas uma coisa que, pode ser conceitual, mas para mim, homens devem ajudar nas tarefas domésticas e com os filhos e estes entram na dança também e podem começar com pequenas tarefas desde cedo!

Para que todos vivam num ambiente gostoso, harmonioso é necessário que cada um cumpra com a sua parte e fim de papo!
Lá em casa eu tenho um ótimo exemplo, meu marido é do tipo que bota a mão na massa!
Ajuda com a casa e com as crianças. Então, meus filhos já tem o exemplo dentro de casa, mas é preciso mais do que isso, é preciso ensinar, incumbir determinadas tarefas à eles e mostrar desde já que a casa é de todos e que todos são responsáveis por ela!

Sempre peço para que arrumem o quarto e para me ajudarem com uma coisa e outra, e do jeitinho deles eles fazem, o Felipe é mais difícil, mas o Gabriel se sente todo importante o que acaba motivando o irmão!
No dia seguinte a festa de aniversário fizemos a faxina, eles queriam curtir os presentes e eu aproveitar pra fazer uma limpa no quarto! Colocamos casa abaixo! Separamos alguns brinquedos que não brincavam mais para doar e coloquei os dois para me ajudar!

Durante a faxina estávamos conversando e eu disse pro Gabriel: "Tá vendo como dá trabalho limpar a casa, por isso que a mamãe fala pra tomar cuidado pra não derrubar comida no chão e nem fazer molhadeira no banheiro..." Ele respondeu: "É, eu já tô cansado, mas prometo que eu vou ajudar sempre, porque meninos também podem limpar né mamãe?

Garoto esperto!

                                                         Gabriel separando os brinquedos

                                                         Felipe também separando os seus!



                                                 Banho bem gostoso depois da faxina!
                       




Niver Gabriel 5 anos!






O dia da festa!


Pra quem está querendo organizar uma festa infantil, já aviso, coisa que outras pessoas já devem ter percebido, a 25 de março não vale mais a pena! Ela deixou de ser o pólo comercial de coisas baratas! rs
Porque cá entre nós, fomos lá para ver coisas pro aniversário do Gabriel e foi uma grande decepção. Nada mais barato do que coisas que vende na loja de festas do meu bairro, e ainda tem a muvuca de gente e a falta de atendente! Educação principalmente, porque ali parece que ninguém precisa te atender bem, se você quiser, pega o que precisa e pronto, senão, tudo bem, pra eles não faz a menor diferença!


Enfim chegou o grande dia!

Acordamos todos cedo, ele estava na maior empolgação, querendo ajudar com tudo!
O irmão, que faz aniversário daqui um mês numa ciumeira só! Mas passa, é bom que cada um perceba que o outro também tem vez, e quem não gosta de um dia de estrela?

Eu sempre tive tudo só pra mim, era uma delícia, filha única até os 8 anos de idade fui mimada que só, mas quando chegou a irmã, não dei conta do recado não! Com eles é o contrário, sempre dividem tudo, até a atenção, e quando um tem uma exclusividade: encrenca! Mas é bom!

A festa foi maravilhosa, amigos queridos presentes com a turminha mirim, familiares que fazia tempo que eu não via, todas aquelas pessoas queridas reunidas num só dia! Bom demais!!!

E agora dá-lhe tudo outra vez! O Felipe faz 4 aninhos daqui um mês, e lá vai eu caçar coisas do Pokemón, ele não quer muito trocar de tema, nem o irmão ficou muito feliz com a idéia de fazer da mesma coisa que ele, então, bora suar a camisa pra achar alguma coisa do tema que ele quer, afinal, agora que ele já é grandinho e escolhe o tema do seu aniversário não custa a gente se esforçar né?